TradTalk: novo podcast de tradução

13442311_733081733500274_5724633189518877129_n

Como vocês já devem ter visto nas mídias sociais, depois de todo o suspense, há algumas semanas, anunciei meu novo projeto: um podcast de tradução.

O que é um podcast?

Como muita gente ainda não entende direito o que é um podcast, vamos à explicação necessária. Podcasts são canais de assinatura de áudio digital com conteúdo frequente. Assim como em um blog, no qual você se inscreve e recebe notificações sempre que há novas publicações, você assina um podcast (gratuitamente) e recebe notificações sempre que houver um áudio novo. Ele pode ser acessado em dispositivos móveis: iPhones e iPads já vêm com o aplicativo Podcasts, no qual você pode ter acesso a inúmeros canais; em Androids, é necessário baixar um aplicativo de podcast. Também é possível ter acesso aos áudios pelo site do podcast.

De onde surgiu a ideia?

O interessante dos podcasts, na minha opinião, é a possibilidade de ouvir conteúdo interessante no celular enquanto faço alguma atividade, como preparar o almoço/jantar, ir ao supermercado (atividade que odeio, mas que se tornou menos insuportável com os podcasts), dirigir e até mesmo praticar atividades físicas. É uma forma de otimizar um tempo em que estamos ativamente ocupados fazendo algo, mas que, ao mesmo tempo, estamos passíveis a receber conhecimento. Além de ampliar o conteúdo a que temos acesso, já que, para ler, por exemplo, precisamos parar o que estamos fazendo para executar a ação.

Essa paixão e esse encantamento por podcasts surgiram recentemente. Comecei assinando o Podcast da Bel, da Bel Pesce, empreendedora que admiro muito e que procuro acompanhar. Os episódios dela são diários e bem curtinhos. É uma lição de empreendedorismo e de vida melhor que a outra. Sou apaixonada.

Daí, então, pensei que eu poderia criar meu próprio podcast, já que não temos muitos de tradução no Brasil. Para aprimorar minha ideia, assinei o TradCast, primeiro podcast de tradução do Brasil, inativo no momento, mas com um ótimo conteúdo disponível. O TradCast foi criação conjunta deste time de feras: Marcelo Neves, Érika Lessa e Cláudia Mello Belhassof. Também comecei a ouvir o podcast da Carol Alfaro, o Papo de Tradutor. Esses são os únicos podcasts de tradução que conheço no Brasil. Outros de tradução que assino são: Marketing tips for translatos, da Tess Whitty; e Blabbing Translators, do Dmitry Kornyukhov e da Elena Tereshchenkova. Outros da área de línguas e localização: The Business of Language, da Tammy Bjelland; e Globally Speaking, do Renato Beninatto e Michael Stevens. Sobre empreendedorismo, ouço: Empreendedor a todo Vapor, do Thiago Compan; e o GVCast, do Flávio Augusto da Silva, do Geração de Valor.

Conversando com amigos, no entanto, descobri que nem todos são como eu. Algumas pessoas preferem ouvir ou assistir a conteúdo no computador, não no celular. Por isso, pensei em também filmar as entrevistas do meu podcast para disponibilizá-las também no meu canal do YouTube. Dessa forma, atendemos a todos os gostos: áudio no celular, áudio e vídeo no computador. Não tem desculpa. 😉

Quanto ao nome, TradTalk, devo um agradecimento bem especial ao Karel Sobota, marido da querida Adriana Sobota. Em um brainstorming, ele deu essa ideia, e eu amei!

Crédito do logotipo e das imagens, como sempre, do meu super parceiro de vida e profissional, Érick Tonin, que também sempre me ajuda com a parte técnica.

Agradecimento especial também ao Thiago Compan e à Laila Compan por tirarem minhas dúvidas e me ajudarem com a parte técnica.

Como vocês podem ver, não sou ninguém sozinha. Desde a troca de ideias com amigos e familiares para a criação à aceitação do meu convite para participar do podcast por parte dos entrevistados e à ajuda do William Cassemiro e da Abrates em fornecer o espaço para que eu pudesse filmar durante o VII Congresso Internacional de Tradução e Interpretação da Abrates, devo a realização de mais esse projeto a todo mundo que, de uma forma ou de outra, me ajudou antes, durante e depois. 🙂

O que esperar do TradTalk

Os episódios terão, em grande parte, uma média de 30 minutos de duração. Como não gosto de ouvir podcasts longos, segui a mesma lógica. No entanto, teremos algumas exceções à regra, pois o papo foi sempre tão bom que acabamos extrapolando essa média algumas vezes. Oops! rsrs

A frequência será mensal, sempre perto do dia 5 de cada mês. Aqui também teremos exceções: no primeiro mês, para comemorar, teremos dois episódios. Também teremos dois episódios em setembro, para comemorar o mês do tradutor: um no dia normal e outro no dia 30, Dia do Tradutor.

Já temos 13 entrevistas gravadas! Os convidados já gravados são: Adriana Sobota, William Cassemiro, Comitê de Administração do Programa de Mentoria da Abrates com a participação especial da mentora Gisley Ferreira e da mentorada Sabrina Fuzaro, Sofia Pulici, Ligia Fragano, Liane Lazoski, Paloma Bueno Fernandes, Michele Santiago, João Roque Dias, Laila Compan, Marcelo Neves, Gabriela Cetlinas e Kirti Vashee. Outros grandes nomes nacionais e internacionais da tradução já aceitaram meu convite e gravaremos em breve.

Olha, não é porque é meu filhote, não, mas as entrevistas estão super legais! Espero que gostem dos papos tanto quanto eu amei entrevistar os convidados.

É na próxima semana! Aguardem!

Advertisements

10 thoughts on “TradTalk: novo podcast de tradução

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s